19 de jul de 2011

Aplicações da prática de Tai Chi Chuan, Chi Kung e Lian Gong

Uma das disciplinas que ministro no curso de formação em acupuntura da Enac-Escola Nacional de Acupuntura de Brasília, denomina-se: “Tai Chi, Qi Gong & Lian Gong”. Essa matéria tem como objetivo disseminar a cultura chinesa, além de fazer com que os alunos treinem posturas físicas e mentais de preservação e processos energéticos que aperfeiçoarão seus tratamentos e promoverão assepsia pessoal entre os atendimentos.
Com apenas 40 horas/aula não se pode ter a pretensão de ensinar formas, técnicas e conteúdos filosóficos mais profundos do Taiji, do Qigong e do Lian gong. É pouco tempo para que todos aprendam a executar até mesmo uma das séries mais simples do Taiji, os 24 movimentos.
O que mais importa é mostrar a necessidade que o formando em uma terapêutica bioenergética tem em buscar o conhecimento e, principalmente, praticar regularmente, visando ao desenvolvimento de sua habilidade e percepção energética. Com a prática constante; obtenham destreza na auto regulação de seu holochacra (complexo de meridianos e chakras), flexibilidade e fortalecimento físico para a prevenção e tratamento pessoal, bem como, tenham ferramentas terapêuticas para oferecer aos seus interagentes.
Fica claro no decorrer do curso que, com a adoção de um treino regular a pessoa pode obter outros valores, principalmente, o processo de autoconscientização holossomática (corpo – mente – espírito), e as técnicas de assepsia energética pessoal, do ambiente de trabalho e do interagente em tratamento.
Ao nos depararmos com a realidade da dimensão energética, vislumbramos outros cuidados diários, além dos que habitualmente estamos acostumados, como a higiene, atividade física e nutrição. Todos esses conceitos se aplicam ao corpo energético com técnicas específicas e procedimentos diários que promovem a nutrição, o fortalecimento e a limpeza desse veículo mais sutil de manifestação da consciência.
Como substrato dessa disciplina do curso regular de acupuntura, criei um curso extra de apenas 8 horas/aula, denominado: “Assepsia e fortalecimento energético no cuidado do cuidador. Ao desenvolver o curso, procurei ir direto ao cerne do assunto, sem floreios, com exercícios práticos eficazes para o cultivo do Qi, onde utilizamos meditação aliada a processos de circulação energética, dentre eles o EV-Estado Vibracional, transmitindo e praticando vários modos de instala-lo em nossa psicosfera(aura).
Esse treinamento pode ser aplicado inclusive no âmbito corporativo, no intuito de promover maior integração entre os membros das equipes, aumento do nível de criatividade para o desempenho das atividades profissionais e melhora da imunidade física, mental e emocional.
Aguardem as próximas datas desse curso extra para o segundo semestre de 2011.


Nenhum comentário:

Postar um comentário