11 de mar de 2011

A Acupuntura e a Desinformação

Ilustração do Artigo
Hoje vários conselhos da área de saúde reconhecem a acupuntura como especialidade - o da própria medicina, o da psicologia, o da fisioterapia e o da farmácia, dentre outros.

Ora, se áreas tão díspares, dentro da mentalidade ocidental, aceitam os efeitos da técnica como válidos em seus campos específicos de atuação, uma obviedade se apresenta, mesmo para os que não conhecem a Medicina Tradicional Chinesa: a acupuntura, dentro de sua racionalidade própria, é que parece englobar esses campos específicos e extrapolar cada um deles.

Então o recado: para conhecer a acupuntura e aplicar seus conhecimentos de maneira realmente eficaz é necessário um estudo amplo e complexo, onde não cabe a especialidade como opção.

Ou seja, parafraseando uma campanha já em andamento pelo Brasil, "acupuntura é para acupunturistas"...

Leia a íntegra do artigo do ProfºPedro Ivo Marini Tahan, Diretor de Ensino e Informação da ENAc, publicado na Revista Terceiro Milênio.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário